Quando se fala em renda variável, é comum que algumas pessoas tenham dificuldade para compreender a diferença entre trader e investidor.

O investidor

É aquele que utiliza parte dos seus recursos para investir no mercado financeiro em busca de maior rentabilidade. Normalmente aloca seus recursos com uma visão de longo prazo. Por isso, sua preocupação é com janelas de tempo mais longas. Portanto baseia-se mais em questões macroeconômicas do que em oscilações de curto prazo.

O trader

Trader é o profissional que tira seu sustento das suas operações no mercado financeiro. Há diversos perfis de traders. Os scalpers são aqueles que realizam várias operações rápidas ao longo do dia. Já os mais estratégicos carregam suas posições por mais tempo. O que varia de um perfil para o outro são: o perfil operacional, as estratégias adotadas e os mercados em queatuam (ações, câmbio, commodities, etc.).

No Brasil, a profissão trader ainda não é regulamentada. Porém é um assunto frequentemente discutido no mercado financeiro desde que o pregão viva voz terminou e as operações ficaram restritas ao meio eletrônico.

A tecnologia tem facilitado às pessoas o acesso ao mercado para atuarem como traders. Para isso, basta que o indivíduo tenha conta em uma corretora, uma plataforma operacional e conhecimento sobre mercado.

Trabalhar como trader, tem, inclusive, se mostrado uma opção viável para pessoas desempregadas com alguma reserva financeira para começar a investir em momentos de crise.

Day Trade é a profissão dos sonhos?

Existe a crença de que é a profissão dos sonhos, já que é possível trabalhar em qualquer lugar do mundo, definir seus próprios horários e não se reportar a nenhum superior. Porém, a realidade não é tão simples assim.
Algumas das dificuldades da rotina de um trader são:

  • A principal ferramenta de trabalho é o dinheiro. Para que o trader tenha um retorno atrativo, é necessário que ele possua capital suficiente para fazer operações maiores, afinal, dinheiro atrai dinheiro;
  • Diferentemente de outras profissões, o trader não possui nenhuma garantia de salário no fim do mês, ou mesmo de que seu saldo seja positivo. Além do dissabor de perder dinheiro, saldo negativo significa diminuição de margem. Ou seja, o potencial para ganhar dinheiro também diminui;
  • Engana-se quem pensa que basta conhecer economia e finanças para ser um bom trader. Atuar diariamente no mercado financeiro é uma tarefa estressante e que demanda forte controle emocional.

O trader tem que lidar com momentos de euforia, medo e insegurança, o que gera um desgaste emocional profundo.
Para ser trader, não é necessária nenhuma formação específica; é um mercado bastante democrático. Entretanto, é preciso que o trader tenha noções de economia, política, finanças comportamentais e sobre o funcionamento do mercado de capitais.

Qual a preparação para ser trader?

No quesito preparação, ser trader é como qualquer outra profissão. Então, é preciso muito esforço, preparação, disciplina e atualização contínua.

No Brasil, vários traders ainda trabalham operando em casa, com situações que não são ideais, como internet instável e plataformas rudimentares. Ou seja, em condições inferiores às que traders profissionais atuam.

Nos Estados Unidos já é comum a existência de mesas proprietárias. São locais onde traders operam dinheiro próprio ou da mesa e dividem um local com estrutura adequada. Possuem internet de alta velocidade, computadores de alta performance e plataformas de qualidade.

Felizmente, no Brasil, algumas empresas começam a trazer esse modelo de mesa proprietária. Oferecem não só estrutura física, como também estrutura online para operadores remotos e cursos de capacitação teórica e prática.
Para ser um trader, é preciso que o indivíduo tenha objetivos claros em termos operacionais e financeiros. O primeiro passo é a definição de uma estratégia que lhe dê vantagem (edge) em termos estatísticos. Definida a estratégia, é preciso ter claros os objetivos de ganhos e limites de perda, afinal um dia ruim não pode sacrificar vários dias positivos.

É preciso Disciplina

Uma das tarefas mais difíceis é ter disciplina para executar essa estratégia de acordo com o planejado. Para isso, é importante que o trader se atente também à sua saúde emocional, buscando se exercitar, ter boas noites de sono, boa alimentação e meditar sempre que possível.

A profissão trader ainda permeia o imaginário de muitas pessoas. Para alguns, a liberdade e os potenciais ganhos elevados são bastante sedutores. Entretanto, antes de largar seu emprego atual e mergulhar de cabeça no mercado financeiro, busque auxílio profissional, estude bastante e troque experiências com pessoas que já atuam nesse mercado.

Por fim, faça um planejamento financeiro que leve em consideração um início tortuoso. Não parta do princípio que você ganhará dinheiro nos primeiros meses e considere a possibilidade de perder, inclusive.

Seja cético com promessas de facilidades e retornos excepcionais num curto espaço de tempo. Assim como em qualquer profissão, a experiência é fundamental para potencializar a técnica. Portanto, busque profissionais com vivência de mercado e empresas consolidadas para evitar experiências desagradáveis.

Rafael Mendes

About Rafael Mendes

Formado em direito, com MBA em Gestão de Projetos e certificado pelo Sebrae em Análise e Planejamento Financeiro. Atualmente, é operador de dólar, índices e ações, além de responsável pela geração de conteúdo da WM e por auxiliar na área educacional.

Leave a Reply